Adubos e Fertilizantes quimicos

Adubo químico

Os adubos químicos fornecem para plantas todos os nutrientes de uma só vez, ela acaba crescendo rápido demais, as paredes de suas células ( que formam o seu corpo ) se tornam fracas e suscetíveis ao ataque de pragas. Além disso, ao se acumular no solo, polui o meio ambiente.

Os adubos químicos, que são muito utilizados na agroindústria, possibilitam o aumento do teor de água dos produtos e  reduzem seu valor nutritivo e seu sabor, além de poluir o solo. “A utilização dos adubos químicos, dos defensivos agrícolas e das sementes modificadas formam um círculo vicioso, porque essas plantações necessitam cada vez mais de adubação e proteção de químicos para se desenvolver” – explica o pesquisador da Embrapa. O melhor a ser usado por mas que demore um pouco mas de tempo para você ver o resultado é o adubo orgânico.

ADUBOS E FERTILIZANTES QUÍMICOS

Adubos químico

Provém de minerais existentes no solo, por vezes extraídos de jazidas minerais. São constituídos basicamente por NPK, nitrogênio, fósforo e potássio.

Esse tipo de adubação deve ser utilizado com cautela, pois sua formulação é bem forte “concentrada”. Para não errar procure o que a planta está necessitando em  nutrientes para as plantas.

Nitrogenados

Salitre do chile – 16% de nitrogênio

Sulfato de amônio – 20% de nitrogênio

Nitro cálcio – 27% de nitrogênio

Ureia – 45% de nitrogênio

Fosfatados

Superfosfato simples – 20% de fósforo

Superfosfato triplo – 46% de fósforo

Potássicos

Cloreto de potássio – 60% de potássio

Sulfato de potássio – 50% de potássio

Esses adubos são vendidos através de sua fórmula completa, isto é, de acordo com as concentrações de nitrogênio (N), fósforo (F) e potássio (K): N-P-K.

Existem também os adubos orgânicos, para saber mais sobre outros tipos de adubos consulte compostagem composto orgânico.

MODO DE APLICAÇÃO DOS ADUBOS QUÍMICOS

A aplicação de adubos químicos podem ser a lanço nas áreas a serem ajardinadas. Caso as plantas já estejam colocadas nos lugares definitivos, deve-se fazer a adubação em coroamento ( em volta das plantas adicionado ao solo à 20cm de distância das raízes, mas sem encostar no caule para não prejudicá-las pois o contato direto desses adubos com as raízes e folhas causam ressecamento e amarelamento das mesmas ) ou sulcos. Os adubos químicos devem ser usados quando necessário e na quantidade receitada por um técnico.

 As informações do rótulo devem ser rigorosamente seguidas.

6 Comments

  1. adorei esse site muito bem esplicado vcs estão de parabens sou jardineiro e sou novo nesse ramo estou aprendendo a cada dia um abraça para vcs adoro receber ideias podem me mandar se quiser pricipalmente gual adubo correto para grama e qual a proporção que devo usa ficarei muito grato me ajudem em tchal pessoal

  2. Boa noite eu quero comprar adubos químicos pagamento é avista e retironnilocal da entrega se tiver aalguémqque tem a forma para vender entre em contato DR . VALDEMAR

  3. Tenho 120 m² de grama esmeralda no meu jardim, gostaria de aplicar URÉIA, e gostaria de receber orientações de como aplicar. Acredito que a uréia deve ser o ideal para acabar com manchas secas que ocorrem constantemente. Estou agindo de forma correta, gostaria de ser bem orientado sobre isso? Obrigado.

  4. Estou cuidando de um jardim e preciso de orientações. Gostaria de participar desse blog. fortalecer a grama do jardim, o que posso colocar.

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*